Blog

Entenda as diferenças entre chapas de aço laminadas a frio e laminadas a quente

Entenda as diferenças entre chapas de aço laminadas a frio e laminadas a quente

O aço é um material muito versátil: com diferentes acabamentos, é possível fabricar os mais diversos tipos de materiais. Quando o assunto é chapa de aço, dois processos se destacam: laminação a quente e a frio. Os dois acabamentos trazem vantagens para o aço, contudo, as suas etapas variam. Portanto, para escolher a melhor opção, confira as explicações sobre a laminação a quente e a frio.

Qual a melhor opção: laminado a quente ou a frio?

A produção das chapas de aço expandido, por exemplo, começa bem antes das laminações. O primeiro passo é a mineração do material. Durante a extração, o minério é transformado em ferro gusa e posteriormente é colocado no alto forno da siderúrgica. Essa ação é importante para eliminar outros componentes que comprometem a pureza do ferro.

Em sequência, o ferro vai para a aciaria onde será transformado em aço, será refinado, receberá adição de ligas e conformação em placas. Assim, por último, é realizada a laminação que transforma o material em bobinas e depois, nas chapas de aço.


Chapas de aço laminadas a quente

As chapas laminadas a quente são feitas em uma temperatura média de 900º e sua principal vantagem é a resistência. Elas são produzidas por meio da laminação de placas que formam bobinas laminadas a quente. Em sequência, esse material é cortado transversalmente, dando origem aos diferentes tipos de chapas de aço.

Aplicações

Por conta de sua composição química e características mecânicas, esses produtos são indicados para uso geral, como: estampagem, estrutura,  estrutura de boa conformabilidade, estrutura de alta resistência mecânica e à corrosão atmosféricas, tubos, entre outros.  Dessa forma, essas chapas de aço podem ser utilizadas em praticamente todos os setores econômicos.


Chapas de aço laminadas a frio

Por outro lado, o processo de laminação a frio é um pouco mais complexo. As chapas com esse acabamento são feitas a partir de bobinas laminadas a quente, porém, passam por mais etapas antes de chegarem ao resultado final. Para ilustrar: após a primeira laminação (quente), elas sofrem uma redução a frio e são recozidas.

Aplicações

As chapas de aço laminadas a frio são mais resistentes e maleáveis, além de possuírem um acabamento diferenciado. Por conta disso, elas são comumente usadas nos seguintes segmentos:

Eletrodomésticos (linha branca);

Indústria automobilística;

Esquadrias;

Construção civil, entre outros.

Fonte: https://www.cosiaco.com.br/blog/diferencas-chapas-de-aco-laminadas-a-frio-a-quente/

Como São Feitas as Chapas de Aço

Como São Feitas as Chapas de Aço

As chapas de aço são um dos materiais mais versáteis do mercado, podendo ser utilizadas em diferentes segmentos com eficiência. Existem muitos modelos de chapas, como as chapas expandidas, perfuradas e recalcadas. Mas como as chapas de aço são feitas?   Chapas de aço: entenda como é a sua fabricação O processo de fabricação de...

Abrir Tópico >

Entenda as diferenças entre chapas de aço laminadas a frio e laminadas a quente

Entenda as diferenças entre chapas de aço laminadas a frio e laminadas a quente

O aço é um material muito versátil: com diferentes acabamentos, é possível fabricar os mais diversos tipos de materiais. Quando o assunto é chapa de aço, dois processos se destacam: laminação a quente e a frio. Os dois acabamentos trazem vantagens para o aço, contudo, as suas etapas variam. Portanto, para escolher a melhor opção, confir...

Abrir Tópico >